2010-05-11

Taras e Manias


Estava eu ontem à noite no Cais do Sodré a jogar Puzzle Bobble no telemóvel (mais um dia numa vida normal, portanto) sentado num banco costas com costas para umas miúdas francesas que falavam e riam alto, e senta-se ao meu lado uma senhora aí na casa dos 40, que deglutia alarvemente um frango assado dentro de um pão de quilo, deixando cair pedaços para perto dos meus pés.

Não demorou nem o tempo de eu chegar ao nível 8, para a mulher se irritar com a boa disposição alheia, e sem medo de quaisquer barreiras linguísticas vira-se para trás e pergunta:

Ouçam lá... Vocês sabem que amanhã vem cá o Papa?
Errrr... Excusez-moi, je ne parle pas portugais...
É um homem de respeito. Respeito... Que é uma coisa que já não há.
Pardon?
Isto Portugal antigamente era um país de respeito, agora já não se respeita ninguém, nem o Papa.

.

10 comentários:

AD disse...

Isto só lá ia era com uma inquisição em cada esquina.

Vani disse...

pz bobbleeeeeee aíiiiiiiiiiii...

obrigadinha, grilu, por me levares de volta ao vicio...

Nawita disse...

Isso é que é uma mulher portuguesa de valor! Sem papas na língua! Ela engoliu antes de falar não é?
Na Renascença dizem que o Papa também é amigo da verdade e meigo!
Nunca ouço rádio, no dia em que vou a um café outro que a Taberna das pulgas, tenho que levar com a Renascença e o Papa!
As francesas já aprendiam a vir-nos aborrecer em português, nós quando estamos no país deles fazemos barulho na língua deles!

Gata das Botas disse...

Não era o Papa na língua que ela tinha, Nawita, era uma sande de frango assado.

tiagugrilu disse...

Mas olha que se o Papa assado cheirar tão bem como aquele franguinho, até eu o papava...

- é metê-lo a fazer ciclismo com calções de serapilheira e ver se cheira ao mesmo.

Bock disse...

A capital está com Bentos de XVI nós. Uma grande Bentania, portanto.
Entra-nos pela cabeça adentro e deixa-a em Papa.

À sobremesa comi um doce conbentoal e uma fatia de papanás. E limpei as beiças a um guarpapanapo. Para a sossega, bebi um licor de genipapa.

Vade retro, foda-se.

Gata das Botas disse...

Ai agora é vade retro?
Eu não te avisei para não invocares as forças do mal?

Pois, mas nunca ninguém liga ao que eu digo!

Gata das Botas disse...

Grilu,
ui! Calções de sarapilheira? Não sei se o Vaticano tem fundo de maneio para tanto Halibut...

Bock disse...

Eu sou pelo Bem, Gata das Botas, nada temas.

Mas esta bentania infernal não me deixa alternativa: Xô, Belzebento!

anatcat disse...

Alguém falou em sande-de-frango- assado-com-batata-frita-pála-pála e maionese?

(não percebi que mal tem estar na casa dos 40, mas enfim...)