2009-04-03

Raças de Motorcycles


Já o disse por mais do que uma vez que a principal razão da existência deste blog se deve ao facto de eu ter nascido com um enorme íman (e não hímem) que atrai tudo o que é malucos.
Isto ao longo de 27 anos não é pêra doce.
- São profiteroles e farófias. É verdade, confesso, eu adoro que isso me aconteça.

Passa-se que de há uns tempos para cá, tenho sentido falta dos meus malucos do dia-a-dia. Cheguei mesmo a pensar que o meu precioso "nerd magnet" se tinha desligado. Ontem tive a prova inequívoca de que isso não era verdade.

Um amigo meu teve uma avaria na mota e ficou apeado perto do meu trabalho, pelo que eu me encontrei com ele para vermos o que se podia fazer. Nisto, passamos por uma garagem e eu reparo que lá dentro havia uma mini-oficina, onde podíamos ir perguntar se dava para arranjar a mota.
Entrámos, e a lavar um carro estava um senhor indiano, gémeo verdadeiro deste gajo:

...Mas na versão "passado dos c*rn*s".

Acedeu ao nosso pedido e foi ver o que podia fazer para nos safar, mas assim que inicia a conversa connosco, começa a misturar assuntos e a atirá-los todos ao mesmo tempo na mesma conversa. Assim:

- Ah, o cabo do acelêradô pártiu? Mas pártiu onde, cima ou baixo?
- Em cima...
- Pois, as móta é muita bom pá cidade. O pior é as gajas, que a gente vai e olha e... PUM!!!
- Pois... Eheh... É perigoso, é...
- Eu uma vez ia assim di mota e passa uma gaja muita boa e com as mamas à mostra, mas assim mêmo todas à mostra, e eu fiquei a olhar... distraí-me... PUM!!! Bati no carro do polícia.
- Eh lá, logo no carro da polícia? Bolas...
- Há gajas tão boas em Portugal, pá... A gente é que já não tem força na verga. Vai lá e puffff fica mole, pá... Epá, eu não tenho esse cabo aqui...
- [Risos]
- Tão-se a rir? - É verdade, pá. E isto o cabo do aceleradô tem aqui uma pontinha que encaixa ali. Eu não tenho.
- Então e como fazemos? Compramos e vimos cá amanhã?
- Pois... Que eu tenho sempre desses cabo, mas quando tenho, mota não avaria, quando não tenho, mota PUMBA, avaria. É sempre ássim...
- Pronto, passamos cá amanhã, então...
- Ainda no mêis passado, vinha aqui na rua um gajo di mota e PUM!!! bateu num carro e ficou sem uma perna. E eu é qui fui apanhar perna pa encaixar nele. Vérdade.
- A sério?
- Sim. É verdade. Olha, depois de sair daqui vou para o restaurante. Tenho um restaurante indiano. Querem comprar caril de gambas?
- Ah, sim? E onde é?
- Rio de Mouro. E chamuças? Chamuças boas? Doze, 6 euros? Tenho ali no carro...

Em resumo:

A mota ficou lá e ficámos de arranjar um cabo.
Ontem jantei chamuças feitas pela esposa do senhor.
Hoje vamos lá outra vez. Estou a contar os minutos que faltam.

.

12 comentários:

A disse...

opá, o meu irmão nasceu com um he-man assim. e tal como o teu atraí tudo o que é maluco, mas com algumas diferenças dos teus.

lembraste do farturas dos amigos do gaspar? são tal e qual, excepto mais velhos e muito mais engraçados que o farturas original, porque há coisas que não se podem colocar numa série de crianças.

tiagugrilu disse...

Às tantas foi esse gajo que inspirou o Farturas, mas fizeram a adaptação para série infantil...!

A disse...

não me admirava nada que o farturas fosse a construção estereotipada de uma série de indivíduos de feições e comportamentos semelhantes. é que são a cara chapada deles, vermelhos e tudo.

Alexandra disse...

Lindo!

Mas olha que trabalhar com eles é de fugir!

Girilim disse...

também tenho um nerd magnet... será que se juntarmos dois, os nerds são repelidos?

Silvia disse...

Fiquei um pouco intrigada, do 'Chamuças' dizer q "encaixou" a perna do outro!! Seria um Ken??
Opá e qdo lá fores, oferece uma caixa d viagra ao Sr pá, a ver se ele vai e... PUM!!!

tiagugrilu disse...

Alexandra,

Pois eu percebi. Passámos lá uma bela tarde de sexta feira. TrÊs horas para meter um cabo. Mas valeu a pena.

tiagugrilu disse...

Girilim,

Olha, é capaz. Mas por via das dúvidas é melhor não juntarmos.

Até por causa das doenças...

tiagugrilu disse...

Sílvia,

Como vais ver no próximo post, tudo naquele homem é pouco fiável... Até o chamuça lá de baixo.

Anónimo disse...

E anões? Tens histórias com anões? Se sim, então a tua vida é um filme do David Lynch.

Anónimo disse...

...ou se presenciaste a Naomi Watts e a Laura Harring em actividades lúdicas de natureza sáfica. Se sim, por favor envia fotos.

tiagugrilu disse...

A Naomi Watts e a Laura Harring nunca as vi mais gordas, mas uma vez vi dois anões a mandarem uma no Guincho.

Ok, é mentira, mas vejo muitas vezes o Pantalon no bairro alto.

Serve?